2014-04-01

Um Pouco Mais Sobre Plantas Abortivas (V)

Um Pouco Mais Sobre Plantas Abortivas (V)





Salsa. A raiz e as sementes são abortivas.



Publico aqui em baixo mais um conjunto de comentários que podem ajudar. Foi com essa intenção que foram escritos, portanto vou dar-lhes o devido destaque. Há mais comentários que merecem a mesma atenção e destaque... mas o tempo não tem dado para tudo. Peço desculpa aos que não têm sido atendidos. Por favor esforcem-se a ler com atenção porque é a melhor ajuda que vos posso dar nestas circunstâncias.

Leia, também, os outros textos sobre o tema.

Comentário 1


Muito obrigada Biranta...
Eu tomei 2 litros chá de Losna. Estava na 3 semana de "atraso" e deu tudo certo. Com apenas 2 litros em 1 dia e uma noite minha "menstruação" desceu.
Um beijão


Comentário 2


A minha mestruaçao não vinha tomei chá de canela com salsa veio logooo!!!!


Comentário 3


Oi Biranta..
Queria dizer que nao fiz nenhum desses chás que acima foram ditos..
Preparei um chá com:


- Duas folhas de Abacate,
- Dois dente de Alho e
- uma colher de sal..
Deixei ferver e após alguns minutos tomei morno uma xicara de chá. O gosto nao é bom mas é suportavel!

Bom eu fiz porque estava em dúvida se estaria grávida ou não. Não fiz exame mas estava sentindo alguns sintomas.. No mesmo dia minha menstruação veio..
Espero que minha receitinha ajude!
Bjos obrigada



Salsa. Só as folhas. Não confundir com Cicuta.

Comentário 4


Gostaria de deixar meu relato, pois quando cheguei até esse blog li e reli todos os textos e todos os comentários e me tranquilizava muito ler relatos de pessoas que seguiram os tratamentos e obtiveram sucesso.
Bom, eu fazia uso do anel vaginal “nuvaring”, como forma de contraceptivo, há 4 anos e nunca tive problemas; porém, em Janeiro, eu acabei expelindo o anel sem perceber. Só me dei conta no dia certo de tirar o anel e não o encontrei.


Fiquei muito preocupada, pois com o uso do anel a menstruação fica extremamente regular.
Minha menstruação ainda não estava atrasada, porém com o uso do anel os ciclos vem de 3 em 3 semanas, pois usamos o anel 3 semanas e damos 1 semana de pausa.
Comecei a fazer uso do chá de canela com pinga à noite, antes de ter certeza da gravidez. Tomei por 3 dias sem resultado. Depois, comprei arruda e tomei por 3 dias, 1 litro por dia, também sem resultados. Tomei também todos os dias a tintura de cravinho, 3 vezes ao dia. Nada também.

Quando a menstruação atrasou de facto, logo no primeiro dia de atraso fiz o teste de farmácia e deu positivo. No mesmo dia, fiz o exame de sangue e deu positivo também. Eu estava com 2 semanas de gravidez (113 mui/ml) .
Fiquei até mais aliviada, pois como estava de pouco tempo tinha certeza que o processo seria mais fácil e aconteceria se eu persistisse. Não pensei em desistir em nenhum momento.
Quando tive a confirmação de gravidez, decidi comprar pela internet a buchinha do norte e a losna, que eu não consegui encontrar aqui onde moro (Brasília). 
Fiquei uma semana sem tomar nada, que foi o tempo que demorou pra chegar a buchinha e a losna pelos correios.


Assim que chegou, fiz o cha de 500 ml de água com 1/4 de buchinha. Fiz nessa concentração porque a buchinha era bem pequena.
Como estava muito ansiosa, tomei após umas 3 horas de infusão 30 gotas do chá (porém deixei a buchinha em infusão até completar as 8-10 horas para tomar de novo se fosse necessário). Estava pouquíssimo amargo, principalmente comparado com o de arruda que eu tinha tomado nos dias anteriores, isso foi em uma quarta-feira.

Não senti absolutamente nada, nenhum efeito colateral, provavelmente porque eu deixei o chá em infusão pouco tempo e ele estava fraco. Não cheguei a tomar o carvão activado nesse dia,
No dia seguinte, na quinta-feira, resolvi tomar de novo o chá. Dessa vez tomei um gole às 6 horas da tarde. Passado umas 2 horas, comecei a ter leves dores de cabeça, leves mesmo. Comecei a ter um pouco de enjoo também e acabei vomitando. Vomitei apenas uma vez, umas duas horas depois de ter tomado a buchinha. 8 horas depois tomei o carvão activado e fui dormir.

Na sexta feira, acordei cedo, fui ao banheiro conferir se tinha algum progresso e nada. Fiquei super desanimada. Voltei a dormir pois nesse dia podia dormir até um pouco mais tarde. Umas 10 horas da manhã acordei novamente e fui de novo no banheiro, ao passar o papel higiénico, percebi um sangue vermelho, vivo, em uma quantidade considerável. Quase explodi de felicidade e de alivio.
 
Passei o dia inteiro sangrando, como uma menstruação normal, com alguns coágulos. Durante o dia o sangramento ficou mais intenso, com mais coágulos, bastante cólica (sempre tenho), nada muito anormal. No sábado de manhã o sangramento ficou mais intenso ainda, bastante sangue, um pouco mais do que o meu dia de maior fluxo na menstruação.

Resolvi ir no médico no sábado de manhã. Lá expliquei apenas que estava grávida de 3-4 semanas e que estava com um sangramento. Me levaram para fazer outro exame de sangue e uma ecografia transvaginal. Na transvaginal o útero apareceu limpo e o exame de sangue ainda deu positivo (para os parâmetros deles, mas havia caído muito: deu 49 mui/ml. Ninguém desconfiou de nada. Me falaram que eu estava tendo um abortamento e que eu deveria ir para casa e me passaram um remédio em caso de dor. Me pediram para voltar na segunda feira para repetir os exames. Na segunda voltei, na ecografia estava tudo ok e o exame de sangue dessa vez deu 7 mui/ml. 


Resumindo: deu tudo certo! Estou bem, esperando o próximo ciclo para voltar a tomar o anticoncepcional com ainda mais cautela, conferindo todos os dias se o anel está aqui.
 
Quero muito te agradecer de todo o meu coração Biranta! Obrigada por mim e por todas as mulheres que já aproveitaram o conteúdo do seu blog e por todas as outras que ainda aproveitarão, o que tenho certeza que são muitas! Em um país (Brasil) onde o governo e a igreja tem poder de decidir o que você pode e não pode fazer com seu próprio corpo e com a sua própria vida, iniciativas como a sua devem ser reconhecidas e aplaudidas de pé!
Irei assinar todas as petições que você indica aqui no site e continuarei propagando-o. Sei que isso não é nada perto do peso que você tirou das minhas costas, mesmo sem me conhecer, mas é o que está ao meu alcance.
Serei eternamente grata! Muito muito muito obrigada e tudo de melhor dessa vida para você!


PS: desculpem-me o texto enorme! mas quis deixar bem detalhado.








Comentário 5


Olá meninas venho aqui passar uma receita que deu certo comigo.
Minhas regras atavam atrasadas a mais de 1 mês, não sei se estava realmente gravida pois não fiz o teste (fiquei com medo de confirmar e estava sem dinheiro)
RECEITA: 4 a 5 pauzinhos de canela, meio pacotinho de cravo da índia e uma mão cheia de arruda seca (fervi a agua e desliguei o fogo, coloquei a ervas e deixei descansar por 30 minutos, tomei ele quente pra morno e coloquei só um tikinho de açúcar) após tomar o chá tomei um banho bem quente de uns 20 minutos e me agasalhei bem para não deixar a temperatura do corpo cair.
no outro dia por volta das 10hs desceu uma borrinha marrom (como no inicio de menstruação) mas depois parou, vendo que havia começado a dar resultados fiz o mesmo procedimento a noite e no dia seguinte a menstruação desceu por completo.. um sangue bem vivo e bastante cólica.
acredito que estava gravida, pois estava com as regras atrasadas a mais de 1 mês, meus seios estavam inchados e doendo muito, quando apertava saia uma aguinha transparente, minha barriga tava inchada na região do ventre e tava com o estômago meio revirado.
Deu certo, e após pesquisar muito resolvi tentar esta receita. espero que consiga ajudar alguém com esse comentário.




Erva de Santa Maria, Mastruz(?), (Chenopodium ambrosioides L.). É abortiva e vermífuga (entre outras aplicações medicinais). Por aqui chama-se "segurelha" e é indispensável para juntar como condimento quando se cozinha feijão verde


Comentário 6

Olá Biranta,
Quero contar aqui minha experiência. Me chamo Cristina. Eu achava que estava grávida... Procurei na Internet tipos de chá que fossem abortivos ou que fizessem a menstruação descer. Pois bem, encontrei seu site..
Li tudo a respeito e copiei os tipos de chás que fossem mais fáceis de encontrar. Mas antes fiz um teste de farmácia no qual deu negativo... fiquei aliviada mas, ao mesmo tempo apreensiva, pois não descia minha menstruação e pelas contas já estava muito atrasada! 
Eu tinha em casa cravinho da índia, fiz com dois pacotinhos inteiros e coloquei ainda vinho e tomei à noite antes de dormir... não fez efeito. Fui ao mercado e comprei 6 pacotinhos de cravo da india e 8 pacotinhos de canela em pau..pois ainda tinha cravinho.. Fiz o chá com 2 pacotinhos de cravinho da india e 2 de canela em pau..com meio litro de agua...ferveu e deixei ficar morno quase quente e tomei um xicara inteira e fui dormir. 
Pela manha fiz na mesma quantidade e tomei em jejum... fiz para eu tomar ao longo do dia também...e inclusive antes de dormir... principalmente já a noite senti algumas cólicas e antes de dormir tomei novamente sempre morno quase quente.... Repeti no outro dia tudo de novo. E finalmente surgiram sinais na calcinha e minhas cólicas foram aumentando...Continuei tomando por mais um dia e minha menstruação desceu forte, por completo, com pedaços de sangue..
Parei de tomar o chá de cravinho e canela e minha menstruação continuou normal até acabar...Estava esperando minha menstruação este mês de novo e ela veio normal...Estou agora menstruada, não precisei tomar nada! Este site tem dicas muito boas, basta fazer certinho e confiar... 
Obrigada!


Comentário 7

Ola Biranta quero te agradecer pela ajuda que você me deu no mês de Janeiro de 2013. 
Descobri que estava gravida de 2 meses. Fiquei desesperada porque o pai do meu filho queria me levar em uma clínica de Aborto. Eu disse que não queria; então comecei a pesquisar na net e te encontrei. 
Fiz aquele chá de cravo da índia com canela em pau, senti cólica o dia todo. Pensei: não vou tomar mais vou esperar durante três dias. Senti muita cólica e no quarto dia desceu pedaços de sangue. fiquei assim por mais 6 dias, depois foi embora, voltei no médico e realmente não estava mais grávida.
Obrigada! Você me salvou. Eu podia ter morrido na clínica!!!!!!!!!!!

Comentário 8

LUIS 37 ANOS25/11/11 00:09
Ola Biranta,
QUERO DEIXAR O MEU TESTEMUNHO PARA TODOS QUE AQUI VÃO PASSAR.
Há dois dias que estou lendo e re-lendo tudo que foi colocado aqui. Fiz anotações e decidi...
NAO CONSIGO ME AGUENTAR PARA AGRADECER POR EXISTIR ESTE BLOG E EM ESPECIAL A BIRANTA, COM SUA INICIATIVA.. PARABÉNS E OBRIGADO.. SEM ME CONHECER VC TIROU UM PESO DAS COSTAS...
Para quem está chegando agora, nervoso, preocupado, irritado, enfim, tudo que já senti, deixo desde ja uma dica: acalme-se, procure relaxar, mesmo que seja difícil, porque tudo tem um jeito; enfim, o não você já tem, então tente mudar para o sim, sim interromper...
O meu caso foi assim: minha mulher de 36 anos engravidou, hoje fazia +ou - 3 semanas de gravidez; mas veja, não são três semanas de atraso, simplesmente ainda não deu 30 dias para a menstruação.. como percebi que, durante dias seguidos, ela estava incomodada com os seios, estava reclamando da sensibilidade, perguntei quando vem a menstruação, somente no inicio de Dezembro. Estranhei. Comprámos o teste da farmácia, POSITIVO... segundo teste POSITIVO... Quase enlouqueci.. pirei.. enfim, não queria de jeito nenhum... Procurei o citotec.. mas não decidi logo por ela estar muito no início e acreditei que chá daria certo.. Bom, dentre vários problemas de saúde que ela tem.. decidimos.. meio na discussão pois mulher é mais sensível.. e no fundo se animou com a ideia.. decidimos fazer os chas.. bom, mão na massa.. decidi fazer da seguinte forma:
25gr de cravo... + 7 paus de canela... para 600 ml de água, esquentei bem no fogo, deixei ferver um pouco, abafei com um prato em cima, esperei alguns minutos.
Enquanto isso, coloquei água quente na bacia e pedi pra ela colocar os pés e deixar por minutos. Afinal tomar aquele chá é paulera... Bom, tomou uns 300 ml. Estava bem escuro e com cheiro forte. Ela tomou com os pés na bacia. Quando estava acabando, enrolei-a num edredon; quase pirou porque o calor subiu e muito.
Resultado: na primeira noite já teve cólicas fortes. No dia seguinte pela manhã, começou a manchar a calcinha e os seios estava totalmente normais. Antes eles estavam intocáveis... Já vi que era algum sinal... Bom, como ela estava em jejum tomou mais um copo, e fui comprar artemisia e arruda. Fiz, às 11 horas a mistura de artemisia e arruda numa doze pequena de cachaça. Pessoal olhe nos relatos acima como fazer com cachaça. É fácil. Esfriou e “mandou pra dentro”... À noite fiz artemisia e arruda, 25 gr de cada juntamente com os pes na bacia.. e “mandou pra dentro”..e depois o endredon...
Hoje, dia 24/11/11, pela manhã, estava forte o sangue; as cólicas estavam insuportáveis. Dores nas virilhas e começou a descer muito, com pedaços de sangue. Resolvemos fazer o teste da farmácia de novo: NEGATIVO. Ela queria fazer para não ter de tomar mais os chás.. ruim demais. Fez o teste pela segunda vez: NEGATIVO. Alegria totallll.. tudo indica que “já era”... 
Bom pessoal.. resolvi relatar bem detalhadamente porque sei o que vocês estão sentindo no momento.
Vou correr pra vaseqto agora... to fora de risco...

Então vão com calma. Pensem e relaxem. façam com pensamento positivo já imaginando o que desejam, pois a energia ajuda. E cuidado com os exageros. Eu se fosse desesperado ou exagerado já teria comprado citotec.. Pagaria caro e o risco era muito maior. Lembre-se: o meu relato é de alguem que usou bem no começo. Para outros casos. tem que pensar qual a melhor opção. E se, por fim, contra o universo muitas vezes não temos chances, se for pra ser e sentir que não deve realizar, siga seus sentimentos.. 
OBRIGADO BIRANTA.. E A TODOS QUE TIVERAM A MESMA ATITUDE QUE EU.. E DESEJO A VOCÊ QUE ME LÊ AGORA TODA A SORTE DO MUNDO... E FELICIDADES... ABRAÇO





A folha da esquerda é salsa; a da direita é cicuta. Distinguem-se também pelo cheiro.


Comentário 9

Meninas, eu estava atrasada havia 5 dias. Vim aqui, li tudo muito bem e resolvi misturar umas receitas.. Enfim, eu coloquei 3 saquinhos de CANELA EM PAU, um saquinho de CRAVO DA ÍNDIA e um saquinho de CASCA DE ROMÃ SECA (vocês encontraram em qualquer farmácia de produtos naturais). 
Coloquei tudo numa panela deixei torrar, coloquei 500ml de água e deixei ferver por 2 min, e abafei por 10 min .. 
AI VEM A DICA, 
Eu tomei um copo do chá e depois um copo de vinho tinto, e de novo, um copo de chá e um de vinho tinto .. tomei banho bem quente, coloquei roupa de moleton e meias, me enrolei numa coberta e dormi, senti muito calor, mais dormi, de manhã já estava menstruada!

Comentário 10

DEU CERTO MESMO

Primeiramente queria agradecer e parabenizar o site pelo serviço de utilidade publica digamos assim.. pois acredito que assim como nós (eu e minha esposa) muitas pessoas tem sido ajudadas aki. com auxilio das ervas lembrando claro que o melhor remédio é a prevenção.. mas somos humanos e falhamos então requeremos medidas paleativas. 

15 gr de artemisia ( losna) 
1 galhinho de arruda verde ( planta mesmo)
15 gr de canela em pau 
15 gr de cravo da india
15 gr de anis estrelado
1 litro de agua

Fervi a agua desliguei-a e inseri os chás.. tampei por aproximadamente 30 min. ela tomou apenas 1 caneco ainda quente. guardou o resto para tomar ao longo do próximo dia. Não foi necessário, ainda na mesma noite já sentiu cólicas e durante a madrugada a tão esperada mestruação atrazada a aproximadamente uma semana veio.. suave pouquinho só sinal de vida mesmo mas hoje durante o dia veio em bom fluxo. obrigado e espero ter contribuido tmb de alguma forma.

Comentário 11

Gente, só queria deixar aqui minha ajuda pra quem tomou o chá e não deu certo.
Tem uma ONG chamada Women on Waves, é holandesa, e ajuda as mulheres a conseguirem um aborto. Você pode comprar o remédio no site, não é tão caro quanto comprar na internet, e não é golpe. Eles também te dão todas as orientações e te ajudam. Enviam pelo correio com embalagem anônima, pois em alguns países é crime. Demora um pouco para chegar, mas resolve. 
https://www.womenonwaves.org/pt/

Tá em português mas tem em várias línguas!
Boa sorte, vai dar tudo certo.




«»«»«»«»«»
 APELO!
Participação Cívica e Direitos Fundamentais:
-- Petição Para Valoração da Abstenção
--- Assine a petição AQUI, ou AQUI ou AQUI, ou AQUI, ou AQUI
(Nota: Alguns dos sites "linkados" começaram por boicotar a petição impedindo as pessoas de assinar e, mais recentemente, suprimiram a página com as assinaturas. Apenas "Gopetition" se mantém acessível sempre)
«»«»
-- Denúncia de Agressão Policial
--- Com actualizações AQUI e AQUI
«»«»
-- Petição contra os Crimes no Canil Municipal de Lisboa
»»»»»»

2013-09-10

Contracepção e Aborto. A Pílula do Dia Seguinte (PDS)

Contracepção e Aborto. A Pílula do Dia Seguinte (PDS)


Beldroegas (portulaca oleracea). Uma planta que, segundo se diz, também é abortiva; provoca Contracções e aborto. Contudo o seu consumo é recomendado para prevenir doenças, tal como muitas outras plantas abortivas. 


A Pílula do Dia Seguinte (PDS) é um medicamento destinado a evitar a gravidez em situações de emergência, SÓ.
A pílula do dia seguinte não pode nem deve ser usada como método contraceptivo normal, nem mesmo no caso de a mulher ter relações sexuais esporadicamente (muito pouco frequentes).

1 - A pílula (PDS) não funciona como abortivo...

Mas sim como preventivo da gravidez. A sua função é impedir a fecundação, dificultando o encontro do espermatozóide com o óvulo. Se a fecundação já tiver ocorrido quando se toma a pílula esta provoca descamação do útero e impede a implantação do óvulo fecundado. Por isso a PDS deve ser tomada nas primeiras horas após a relsação sexual para agir antes da fecundação ou logo após, sendo a fecundação recente e antes da fixação do óvulo no útero.

2 - A PÍLULA DO DIA SEGUINTE (PDS) SÓ DEVE SER TOMADA...

Em situações de extrema urgência, após uma relação acidental sem uso de anticoncepcional diário ou de preservativo (camisinha) ou se, usando preservativo,  houver indícios de que este possa ter falhado.
Também é usada (e adequada) em casos de violação (violência sexual).
A pílula do dia seguinte não deve ser usada regularmente como método anticoncepcional

3 - SE FOR TOMADA FREQUENTEMENTE, A PROBABILIDADE DE FALHA AUMENTA

Se a pílula do dia seguinte (PDS) for tomada regularmente isso aumenta a probabilidade de gravidez indesejada.

4 – EFEITOS SECUNDÁRIOS E CONTRAINDICAÇÕES DA PDS.

A PDS pode causar dores de cabeça, alteração no ciclo menstrual e enjôos (ou seja: alguns dos sintomas atribuídos à gravidez). No caso de ocorrerem diarreia ou vômito, nas duas primeiras horas após a ingestão, deve-se repetir a toma para garantir que a pílula permanece no organismo o tempo suficiente para produzir efeito...
A PDS é contraindicada para pessoas com diabetes, problemas cardíacos, circulatórios e de hipertensão.
As mulheres que tomem antibióticos ou calmantes, por exemplo, devem evitar o recurso à PDS, porque o risco de gravidez, nesses casos, pode ir até 22% (em vez dos 5% definidos para situações normais).

5 - A PDS SÓ É EFICIENTE SE TOMADA ATÉ 72 HORAS DEPOIS...

Se for tomada nas primeiras 24 horas após a relação, o risco de gravidez é de 5%. Após 48 horas; o risco sobe para 15%; às 72 horas após, o risco é de cerca de 40%.
São 2 comprimidos em cada toma: o primeiro deve ser tomado nas 24 horas seguintes à relação e o segundo toma-se 12 horas após o primeiro.

6 - SE ESQUECER UM DIA DE TOMAR A PÍLULA NORMAL...

Não deve recorrer à PDS. Nesse caso deve usar preservativo (camisinha).
Só se a relação acontecer sem o uso da camisinha ou se houver algum “acidente” com a camisinha, deverá recorrer à PDS. A seguir interrompe o uso do anticoncepcional diário até a menstruação, usando a camisinha nesse período, sempre que necessário.


Como funciona a PDS?

1. A PDS contém hormonas sintéticas que diminuem a concentração e dificultam a acção da FSH. Uma das funções da FSH é promover os movimentos da trompa que libertam o óvulo e o empurram para o útero. Sem a acção da FSH, a trompa sossega, o movimento do óvulo é dificultado e a fecundação é muito menos provável.
2.  A PDS  actua também na mucosa que reveste o útero, chamada endométrio, provocando uma descamação nessa mucosa, o que impede que o óvulo, mesmo que já esteja fecundado ou seja fecundado, se fixe nas paredes do útero dando início à gravidez.

Brasil, uma legislação absurda, arcaica e assassina!


Nota:
O texto que aqui se apresenta foi adaptado dum texto que está publicado em vários sites.
Quando recuperei o texto tencionava colocar um “link” (ligação) para o texto de origem. Porém, como não sei a origem do texto e não me é possível “linkar” todos os sites onde é reproduzido, fica aqui esta nota...
Que serve também para introduzir e comentar um dos parágrafos do referido texto onde se diz que: “o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, anunciou que facilitará o acesso a pílula do dia seguinte para combater o número de abortos clandestinos no país, a quarta causa de óbito materno”.

“Nós”, por aqui, também somos contra o Aborto... clandestino e contra o analfabetismo e a ignorância que, em situações extremas e na falta doutro recurso, levam muitas mulheres a recorrer ao aborto clandestino usando, de forma errada, métodos ou produtos muito perigosos, que frequentemente as conduzem à morte.
Mortes que deviam pesar na consciência dos responsáveis pela existência duma legislação absurda... e criminosa.



«»«»«»«»«»
 APELO!
Participação Cívica e Direitos Fundamentais:
-- Petição Para Valoração da Abstenção
--- Assine a petição AQUI, ou AQUI ou AQUI, ou AQUI, ou AQUI
(Nota: Alguns dos sites "linkados" começaram por boicotar a petição impedindo as pessoas de assinar e, mais recentemente, suprimiram a página com as assinaturas. Apenas "Gopetition" se mantém acessível sempre)
«»«»
-- Denúncia de Agressão Policial
--- Com actualizações AQUI e AQUI
«»«»
-- Petição contra os Crimes no Canil Municipal de Lisboa
»»»»»»

2012-12-28

Problemas de Fígado, Visicula... Use o Dente-de-Leão

Dente-de-Leão, Taraxacum Officinale



Dente-de-leão, Taraxacum officinale. Um dos mais lindos exemplares que fotografei...

Família: Asteraceae
Nome científico: Taraxacum officinale
Nome Comercial: Dente de Leão
E uma infinidade de nomes vulgares segundo os textos consultados:
alface-de-cão, alface-de-côco, amargosa, amor-dos-homens, chicória-louca, chicória-silvestre, coroa-de-monge, dente-de-leão-dos-jardins, frango, leutodonte, quartilho, radite-bravo, relógio-dos-estudantes, salada-de-toupeira, soprão, taraxaco, taraxacum. Diente de leon (espanhol), dent de lion (francês), dandelion, lion's tooth (inglês), tarassco comune e dente di leone (italiano)

Planta herbácea anual, de pequeno porte, com altíssimo valor medicinal e nutricional, 




Foto 01

As Flores do "Dente-de-Leão" são do tipo capítulo e crescem nas extremidades de escapos ou falsos caules como se vê na imagem. Os caules verdadeiros, via de regra, têm folhas, antecedem as folhas; estes, do "dente-de-leão", não têm folhas...
"Dente-de-Leão" distingue-se das outras plantas semelhantes devido a estas suas características e também porque as suas flores são maiores



Foto 02 - "Dente-de-leão" este ainda não deu flor...





O Dente-de-Leão
É uma das plantas medicinais mais "respeitadas" e conceituadas que conheço e, no entanto, é vulgar; cresce espontânea por aí sendo frequentemente tratada como "erva daninha"... devido à ignorância.




Foto 03 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L. A planta completa, com "escapo e respectiva flor que, neste caso se encontra fechada

Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L
É uma Planta que não tem caule. É constituída por uma roseta de folhas que saem directamente da raiz (do solo).





Foto 04 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L





Foto 05 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L
As folhas têm forma de "dente de leão"




Foto 06 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L A parte de trás das folhas


A Planta não tem caule. É constituída por uma roseta de folhas que saem directamente da raiz (do solo). As folhas são alongadas e recortadas até à nervura central formando segmentos semelhantes a "dente de leão" (como se vê nas fotos). Cada folha pode ter até 15 destes segmentos ficando o pecíolo e a nervura central com uma expansão alada. Os segmentos laterais (dente de leão) são assimétricos. O segmento terminal é aproximadamente triangular. As flores são amarelas, liguladas e hermafroditas (com os 2 sexos). As flores do "Dente-de-Leão" têm uma característica interessante que é comum a muitas outras flores do mesmo tipo: fecham à noite e em dias cinzentos ou chuvosos. Só têm o aspecto exuberante que as imagens documentam em dias de sol... fecham e abrem, fecham e abrem até que, finalmente, fecham durante vários dias e transformam-se em "frutos" ou sementes cuja estrutura é propícia a permitir que se espalhem voando com o vento. Diz-se então que as flores se transformam em estruturas globosas formadas por frutos secos do tipo esquénio com estrutura alada formada por um estilete muito fino com pêlos sedosos que voam facilmente e se dispersam com o vento, espalhando as sementes...
Portanto, a planta propaga-se através de sementes... Há quem diga que é possível a propagação por divisão de touceiras.



Foto 07 - A folha do "Dente-de-Leão". Cada uma destas folhas pertence a uma planta diferente




Foto 08 - A parte de trás das folhas do "Dente-de-Leão






O Dente-de-Leão

Qualquer pessoa minimamente familiarizada com a fitoterapia (uso de plantas e seus preparados para fins medicinais) conhece o Dente-de-Leão e a sua altíssima reputação como planta medicinal usada para tratar o fígado, a vesícula e, em geral, todo o aparelho digestivo e o urinário.


Foto 09 - O Dente-de-leão gosta de chuva (a rega também serve) e do tempo fresco, mas é nos dias de sol que exibe toda a exuberância das suas lindas flores.


Porém, mesmo entre essas pessoas, são poucas as que sabem identificar a planta e reconhecê-la se a encontrarem por aí. Vende-se muito em saquinhos de plástico, seca, para fazer chá (infusão). Mas há muitas pessoas que a compram seca mas que a tratam como erva daninha e a desprezam, se a encontram na sua horta, no seu jardim, etc. A ignorância é uma coisa terrível... É a maior fonte de problemas e de dificuldades de cada indivíduo...



O Dente-de-Leão chega a ser considerado, por algumas pessoas, como uma "praga" porque "invade" jardins, relvados, matas, hortas... e até as beiras das estradas, de ruas e os passeios. Essas pessoas ignoram que esta “erva daninha” é uma verdadeira super "planta medicinal" e alimentar; é muito nutritiva e tem importantes qualidades medicinais.




Foto 10 - Dente de Leão, Taraxacum officinalis L. Planta com uma flor aberta





Cultivo e Colheita: multiplica-se principalmente por sementes. Semeia-se directamente no canteiro definitivo ou semeia-se em sementeira e faz-se o transplante. Planta-se preferencialmente em canteiros para facilitar a colheita. Deve-se semear ou transplantar no Outono, porque prefere clima frescos e chuva, favorecendo o crescimento.








Foto 11 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L. As flores transformam-se em sementes que voam facilmente com o vento



Foto 12 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L - As flores transformam-se em estruturas globosas formadas por frutos secos do tipo esquénio com estrutura alada constituída por um estilete muito fino com pêlos sedosos que voam facilmente  espalhando-se com o vento... Ou soprados pelas crianças no jogo "o teu pai é careca?"




O Dente-de-Leão trata uma infinidade de "maleitas". É utilizada principalmente para tratar problemas do aparelho digestivo e urinário, com especial destaque para os problemas de fígado e de vesícula.

Pobre em calorias, com valor nutricional extremamente alto é um excelente auxiliar nos tratamentos de emagrecimento, . O dente-de-leão contém mais valor nutritivo que a grande maioria dos outros vegetais. É particularmente rico em vitaminas, minerais, proteínas, inulina e pectina. O seu conteúdo de carotenóides é extremamente elevado, o que se reflecte no seu elevado teor de pro-vitamina A (mais alto do que o da cenoura). Para além disso, o dente de leão é rico em vitamina C, riboflavina, vitamina B6 e tiamina. Contém também cálcio, potássio, cobre, manganês e ferro.
O fígado é o órgão mais beneficiado com o uso desta planta, que estimula a eliminação das toxinas e a desobstrui os canais biliares.



Foto 13 - A flor do Dente-de-Leão. 



A extraordinária popularidade do uso do dente-de-leão para fins medicinais está intimamente relacionada com a sua capacidade para melhorar o trabalho do fígado, comprovada pela sabedoria popular e por muitas pesquisas científicas realizadas por todo o mundo, mas principalmente na Alemanha, onde a planta é muito popular.
Os tratamentos com os diuréticos convencionais (fármacos) provocam perda de potássio e enfraquecimento geral do organismo. Isso não acontece com o dente-de-leão que é também um poderoso diurético, mas tem propriedades remineralizante e é possuidor de um elevado teor deste mineral (potássio) na sua composição.

Foto 14 - Dente-de-Leão, Taraxacum officinalis L


Partes Utilizadas: Toda a planta. Podem colher-se as folhas primeiro, e depois podem-se colher as raízes.

Princípios Activos: A composição do
 Dente-de-Leão é muito rica e importante do ponto de vista alimentar. Possui flavonoides, substâncias amargas (taraxacina, lactopicrina, taraxerina), inulina (de 1,5 a 3%), taraxacosídeo, fito-esterois (b-sitosterol, estigmasterol), lactonas sesquiterpénicas (folhas), derivados terpénicos (taraxasterol, taraxerol, b-amerina), ácidos (cafeico, clorogénico e cítrico), minerais (principalmente potássio, ferro, silício, magnésio, manganês, cobre, fósforo e zinco), livulina, pectina, saponinas, taninos, ácidos graxos (oleico, linolénico, linoleico, palmítico), resinas, vitaminas (A,B,C,D), endesmanolídeos, carotenóides (taraxantina).

Foto 15 - Há muitas plantas com flores semelhantes às do "Dente-de-Leão". Nesta foto está uma flor de "Dente-de-Leão" e outra semelhante doutra planta. As flores do "Dente-de-Leão" distinguem-se facilmente porque são maiores



Constituintes químicos:
Ácido caféico, ácido cítrico, ácido dioxinâmico, ácido p-oxifenilacético, ácido tartárico, ácidos gordos, alcalóides, amerina, aminoácidos, apigenina, carbohidratos, carotenóides, cobalto, cobre, colina, compostos nitrogenados, estigmasterol, ferro, fitosterol, flavonóides, fósforo, frutose, glicosídeo (taraxacosídeo), inulina, lactucopicrina, látex, levulina, luteolina, magnésio, matéria graxa, mucilagem, níquel, óleo essencial, pectina, potássio, pro-vitamina A, resina, sais de cálcio, saponinas, silicatos, sitosterol, soda, sódio, stigmasterol, taninos, taraxacina, taraxacosídeos, taraxasterol, taraxerol, vitaminas: A, B1, C, PP, D; xantofilas.


Foto 16 - Dente-de-Leão. Uma flor  florida e uma flor "fechada" - talvez prestes a se transformar em frutos ou sementes que se espalharam com o vento...


Propriedades medicinais:
Alcalinizante, anódina, antianémica, anticolesterol, antidiarréica, antiescorbútica, antiflogística, anti-hemorrágica, anti-hemorroidária, anti-hipertensiva, antiinflamatória, antilítica biliar, antioxidante, anti-reumática, antiúrica, antivirótica, aperiente, bactericida, carminativa, colagoga, colerética, depurativa, desobstruente das vísceras abdominais, diurética, digestiva, estimulante, expectorante, febrífuga, fortificante dos nervos, galactagoga, hepática, hipocolesterolêmica, hipoglicêmica, laxante suave, nutritiva, problemas do fígado, sudorífica, tónica.




Foto 17 - "Dente-de-Leão", Taraxacum officinale




Acção Farmacológica e Indicações: 


  • No sistema digestivo, age como hepatoprotectora, colagoga (aumenta a secreção biliar em até 40%), tratamento das vias biliares, calculose biliar (preventivo e curativo), muito usada para tratar hepatites, corrige a hipoacidez gástrica, aftose de repetição, antidiarréica (principalmente nas diarreias agudas infecciosas ou por intolerância a alimentos gordurosos), favorece a eliminação de catabólitos via biliar e por isso considerado um depurativo biliar, discinesia biliar (vesícula preguiçosa), anorexia por atonia digestiva, quadro de cólon irritável e retocolites (alivia a dor, a diarreia e a obstipação), esplenite (inflamação do baço);
  • Nas dermatoses em geral, como furunculoses, abcessos, erisipela, urticária, psoríase, eczemas crónicos, celulite. Nestes casos pode ser utilizada interna ou externamente. 
  • A seiva leitosa serve para tratar verrugas e calosidades. 
  • Fortalece o tecido conjuntivo de sustentação e pode ser indicado em casos de artrites reumatoides. 
  • Possui acção diurética, preservando o equilíbrio eletrolítico, garantindo a reposição do potássio. Coadjuvante no tratamento das patologias urinárias e tumores da bexiga. 
  • Também age como hipoglicemiante nos diabetes; 
  • coadjuvante no tratamento da obesidade; 
  • aumenta a excreção e metabolização de ácido úrico e ureia; 
  • auxiliar nas dislipidemias (colesterol elevado); 
  • Aumenta a produção de leite materno. 
  • De forma geral age como desintoxicante, remineralizante, antioxidante, moderada acção antiinflamatória, antiviral suave, bactericida (conjuntivites, cistites) e antianémico.







Foto 18 - A flor do Dente-de-Leão vista de lado. 


O uso do Dente-de-Leão em Homeopatia


[Nilo Cairo] Cefalalgia de origem gástrica. Congestões hepáticas e icterícia, com a característica lingua geográfica. Debilidade, anorexia e suores noturnos, na convalescência de moléstias agudas, sobretudo tíficas. Um grande remédio dos gases intestinais; meteorismo. Câncer de bexiga. Esternocleidomastóideo doloroso à pressão.

[Voisin] Nas enfermidades hepatodigestivas agudas com fígado congestionado e sensível ao tacto, dilatação abdominal, flatulência gastrointestinal, suores nocturnos e profusos e fortes dores nos membros inferiores. Congestão hepatoportal crónica com congestão do fígado sobretudo do lóbulo médio. Endurecimento do sistema porta. Náuseas pelas gorduras. Irregularidade na secreção biliar.







Foto 19 -  "Dente-de-leão", Taraxacum officinale





Modo de usar:
infusão, decocção ou cozimento, macerado em vinho ou tintura.
Folhas:
- sumo (suco) das folhas: cálculos renais e fígado. 
Bater no triturador (liqüidificador) 4 folhas juntamente com 1 copo d´água e juntar algumas gotas de limão (a gosto). Tomar 2 a 3 colheres de sopa por dia.
- secas: 4 a 10 g três vezes ao dia junto com outros alimentos ou em infusão.
- infusão: 10 g de folhas por litro de água, como tónico e depurativo. Tomar 3 chávenas (xícaras) de chá por dia.

Uso externo: vitiligo.
- As folhas mais novas e tenras são usadas em saladas; as folhas mais velhas, são cozinhadas e comidas como qualquer outra verdura;
Flores:
- Cozinhadas com outros alimentos.
- em saladas, maioneses e geléias;
Sementes:
- torradas e moídas, podem ser usadas como "café de chicória".
Rizomas:
- comidas cruas ou cozidas, cortadas em fatias.
- deixar macerar durante um dia 1 colher de chá de raízes secas numa chávena (xícara) de água. Tomar meia chávena (xícara) antes das refeições: desintoxicante hepático e depurativo;
- 2 a 3 colheres de chá de raízes secas num copo de água, 250 ml. Ferver 10 a 15 minutos. Tomar 3 vezes ao dia.
- uma colher de chá de raízes secas em meio copo de vinho tinto seco. Deixar macerar 10 dias. Tomar um cálice antes das refeições: aperiente (abre o apetite);
- raizes pulverizada: 1 g por dose, 4 g por dia. Consumir juntamente com outros alimentos
- extracto fluido: 30 gotas, 3 a 4 vezes ao dia.
- macerar uma colher-de-chá de raízes picadas numa chávena (xícara) de água, durante uma noite. Ferver no dia seguinte cerca de 1 minuto. Tampar e deixar arrefecer (esfriar). Coar e tomar meia chávena (xícara) em jejum e o restante após o pequeno almoço (café da manhã) no mesmo dia: depurativo e desintoxicante;
- tintura *(1:5): 5 a 10 ml em 25% etanol, 3 vezes ao dia.
Raízes e folhas:
- 2 colheres-de-sopa de raízes e folhas picadas, em 1 litro de água. Ferver por 3 minutos, tampar até esfriar. Coar, tomar durante o dia, dividido em várias doses: para efeito diurético.
- tintura mãe: 50 gotas, 3 vezes ao dia.
Raízes, flores e folhas novas podem ser consumidas cruas em saladas como estimulante da digestão.
Todas as partes da planta, seca, pulverizada: 1 g por dose, 3 a 4 vezes ao dia.
Distúrbios da função digestiva; diurético : coloque 1 colher de sopa de raízes picadas numa chávena de chá de água. Deixe em maceração dum dia para o outro. No dia seguinte deixe levantar fervura, desligue o lume e coe. Tome meia xícara de chá de manhã, 30 minutos antes do pequeno-almoço (desjejum) e a outra metade, 30 minutos após o desjejum.




Foto 20


Distúrbios da função digestiva; diurético : coloque 3 colheres de sopa de raízes e folhas picadas numa garrafa de vinho branco. Deixe em maceração 10 dias e coe. Tome um cálice, antes das principais refeições.
Afecções da pele do rosto; irritação dos olhos : coloque 1 colher de sopa de raízes picadas numa chávena (xícara) de chá de água. Deixe ferver 5 minutos. Coe e adicione uma colher de sobremesa de mel. Aplique no rosto e também nas pálpebras, com um pouco de algodão, 2 vezes ao dia sendo, de preferência, uma à noite antes de deitar.
Reumatísmo; artrite reumatóide; gota; dores musculares e da coluna; nevralgias; prostatites e contusões : numa panela com água a ferver, coloque uma peneira ou passador com um pano por cima, sem tocar na água. Espalhe sobre o pano uma mão cheia de folhas frescas picadas e tape. Espere que o vapor de água quente amorne o pano e as folhas. Aplique o pano com as folhas nas partes doridas, cubra com outro pano ou toalha e deixe agir durante toda a noite.




Foto 21 - Dente de Leão,Taraxacum officinale. Este nasceu no meio da relva. A relva foi cortada e o Dente-de-leão não teve tempo para crescer mais antes de florir...



Efeitos Colaterias:  não se recomenda usar internamente em casos de obstrução de vias biliares. Pode provocar hiperacidez gástrica nas pessoas predispostas. Evitar o uso em casos de úlceras gástricas.

* tintura (1/5) significa que se junta uma parte de álcool etílico com 5 partes de ´
agua destilada (exemplo: um cálice de 50 ml de álcool com 5 cálices de água) colocar uma porção de planta para 5 porções de água+álcool. Deixar macerar durante cerca de 15 dias,coar e guardar em vidro escuro e fica preparada a tintura mãe...






Foto 21 - Este "dente-de-Leão" nasceu no meio das pedras. Esteve lindo nos dias de Sol. Como o tempo está cinzento as flores que ainda existem estão fechadas.





Foto 22 - Aqui vemos a flor do "dente-de-leão" fechada, à noite. De dia esteve linda como se vê aí em cima na foto 19. De noite fechou e, por um qualquer fenómeno que não percebi, ficou deitada para este lado de modo que mal se vê a planta


Dos textos consultados ficamos a saber:

  • que é alimento predilecto para pintassilgos e outras aves;
  • Os cabouclos usam-no para juntar com o feijão porque facilita a digestão de pratos pesados;
  • Diz-se que o sumo (suco) da planta auxilia no tratamento da doença de Parkinson;
  • Que não há referências ao dente-de-leão nos livros da antiguidade (certamente teria outro nome?);
  • Que existem estudos para usar o dente-de leão na produção de latex por ser mais barato;
  • Que se podem usar as raízes para tingir...
  • Designa-se também "chicória silvestre"... mas não consegui perceber se tem alguma coisa que ver com a "chicória" usada para fazer café.


Referências:

Manual de Identificação de Plantas Infestantes

Manual de Plantas Infestantes - Cultivos de Verão

Centro Vegetariano... através de:

Coisas de Boticário... nota: neste texto a foto NÃO é de "dente-de-leão" e nem o nome é comum a várias espécies...

Wikipédia

Dias da Cruz

Oficina de Ervas

A minha caminhada na terra

Nós os Cachorros

Naturae


APELO!
Participação Cívica e Direitos Fundamentais:
-- Petição Para Valoração da Abstenção
-- Assine a petição AQUI, ou AQUI ou AQUI, ou AQUI, ou AQUI
-- Denúncia de Agressão Policial
-- Petição contra os Crimes no Canil Municipal de Lisboa